terça-feira, 29 de junho de 2010

Se o Queirós deixasse de olhar para o Cristiano Ronaldo como um jogador intocável, porque substituí-lo seria um desastre nacional, tenho pra mim que não tínhamos feito uma segunda parte tão de caca e que o Hugo Almeida era gajo para nos dar uma alegria. Mas pronto, isto sou só eu e a minha opinião.

1 comentário:

Precious disse...

e eu partilho muito essa opinião contigo.

os dois podiam ir a vida deles q eu batia palmas! *