segunda-feira, 18 de janeiro de 2010

É por isto que eu não gosto de 2as feiras: as más notícias chegam sempre às 2as feiras

O meu chefe vai-se embora. O homem, que além de escandalosamente bonito e boa pessoa e muito inteligente, vai ser uma das pessoas mais importantes dentro da instituição onde trabalho. Se fiquei contente por ele, não posso negar que fiquei triste por mim (e por todos os que tal como eu, trabalham com ele). É que sem ele não vai ser a mesma coisa. Sem ele não vou aprender tanto como já aprendi em tão pouco tempo. Ainda por cima porque sei que o próximo que vier não vai ser tão bom. Se toda a gente tivesse um chefe como eu (ainda) tenho, aposto que as pessoas eram muito mais felizes nos sítios onde trabalham. É nestas coisas que sei que ainda tenho muito pra aprender: ainda não aprendi a lidar com as despedidas.

5 comentários:

Um gajo qualquer... disse...

Já passei por algo semelhante, e realmente as coisas nunca mais foram as mesmas. Desculpa não ser uma ajuda e um pensamento positivo, mas é a verdade.

:(

Suspiro disse...

Eu quando penso que isso também me vai acontecer, da-me um aperto no coração! Dificilmente virá um chefe tão bom como o que tenho agora...;) beijocas

Rita disse...

Que sorte entao que tiveste ate agora, pelo menos, com esse chefe.

Precious disse...

primeiro, vamos acreditar q o teu proximo chefe não vai ser pior. Vamos acreditar q sera dentro do genero (há que ser optimista!)

segundo aspecto, acho que não saberes lidar c despedidas não é mau sinal :) **

Isandes disse...

pk é k não tenho 1 chefe escandalosamente bonito? ou só bonito. bem, há akela teoria de k ninguém é insubstituível... *